Compartilhar no WhatsApp

Um homem identificado como Jorge Carlos foi condenado a 12 anos, três meses e 23 dias de prisão pelo atropelamento de três pessoas durante um desfile cívico em 2014, no município de Porto da Folha. O caso resultou na morte de duas irmãs idosas na porta da casa delas. O julgamento aconteceu ao longo desta quarta-feira (25).

Continua depois da publicidade

As idosas, de 71 e 81 anos, assistiam ao evento na porta de casa quando foram atingidas pelo carro desgovernado, que subiu na calçada. Com o impacto, as vítimas não resistiram aos ferimentos e morreram na hora. Uma adolescente, de 17 anos, também foi atingida. Ela teve ferimentos leves em uma das pernas.

Segundo as investigações, na ocasião, o condutor estava embriagado e no carro dele foram encontradas latas e garrafas de bebidas vazias. Ele trafegava na via em alta velocidade, tentou fugir, mas foi detido ainda no local.

Após o acidente, o homem foi ouvido na delegacia da cidade e encaminhado à delegacia regional de Nossa Senhora da Glória, mas foi solto em seguida. A primeira condenação aconteceu em 2016, mas ele recorreu.

Fonte: G1 SE