Compartilhar no WhatsApp

A Justiça de Sergipe determinou, nesta terça-feira (10), a soltura de um dos dois policiais militares acusados de se apropriar de parte do dinheiro apreendido durante uma ocorrência.

Justiça ordena à SES o repasse de informações de filas de espera por leito UTI/covid-19 do SUS ao MPF e MP/SE

A informação foi confirmada pelo advogado de defesa do militar, Aurélio Belém, que disse que a soltura foi autorizada mediante o cumprimento de medidas cautelares de comparecimento mensal em juízo, distanciamento de vítima e testemunhas do caso e recolhimento noturno.

Continua depois da publicidade

O policial estava preso no Presídio Militar (Presmil), em Aracaju, desde o mês de fevereiro, acusado de, em parceria com outro militar, ter apreendido R$ 46.200, mas ter registrado na ocorrência o valor de cerca de R$ 23.700.

O g1 não localizou a defesa do outro acusado, que também havia sido preso.

Fonte: G1 SE