Compartilhar no WhatsApp

A Prefeitura de Lagarto segue executando o Plano de Ação de controle e mitigação dos pontos de combustão espontânea no Lixão localizado no povoado Santo Antônio.

Continua depois da publicidade

Para assegurar a integridade física dos catadores que frequentam o local, desde o início da semana, as equipes da Prefeitura estão presentes para orientar sobre a restrição de acesso apenas aos órgãos competentes que estão realizando o serviço operacional contra os focos de incêndio.

A ação vem sendo executada pelas Secretarias de Meio Ambiente, Obras, Assistência Social e Ordem Pública e objetiva regularizar a atual situação promovendo controle e eliminação dos focos de combustão avaliados.

Toda a estrutura de maquinário e reforços foi disponibilizada, como caminhões pipas, caçambas e máquinas especificas para o serviço em prol da erradicação do problema desde então.

Vale ressaltar que este serviço é feito periodicamente, mas neste período de estiagem e de altas temperaturas , o lixão está passando por transtornos ocasionados pelos incêndios e pela fumaça que se espalha .

Quem, ou que causa estes incêndios?

A ciência explica e comprova que a causa do fogo neste tipo de local é normalmente espontânea. É quando um material combustível reage com um material comburente sem nenhuma intervenção humana, ou seja, através de reações químicas que produzem um calor que serve de ignição para que ele entre em combustão.

No interior de todos os lixões acontecem reações químicas, popularmente conhecidas como fermentação. Quando o material orgânico fermenta, ele produz gases como o metano e, se tiver material, ele pode produzir essa mesma quantidade de calor no interior do lixão, que serve como ignição para que o lixo reaja como oxigênio da atmosfera.

Evidentemente que não está descartada a hipótese de que estes incêndios venham sendo causados por ação humana, de forma criminosa, o que já está sendo investigado desde o início da operação.

Licitação aberta para transbordo do lixo

Devido ao aumento de lixo e as consequências que as queimadas estão causando à população e a saúde pública há vários anos, a atual gestão já está com processo licitatório aberto para contratação de uma empresa que fará o transbordo dos resíduos e transferirá para um aterro sanitário em outro município.

Assim que o processo for finalizado e a empresa contratada, todo o lixo produzido em Lagarto será enviado para o aterro e o Lixão será finalmente.

Prefeitura de Lagarto