Compartilhar no WhatsApp

A atual onda global de infecções por Covid-19 continua ascendente, com o novo recorde de 2,6 milhões de casos registrados nas últimas 24 horas, de acordo com estatísticas divulgadas nesta sexta-feira (7) pela OMS (Organização Mundial da Saúde).

Teste Covid-19 — Foto: Divulgação

A curva de casos manteve o aumento exponencial, e novo o recorde é quase três vezes maior do que o registrado antes da onda atual, em abril de 2021, quando houve 900 mil casos devido ao crescimento da disseminação da variante Delta do coronavírus.

Continua depois da publicidade

Apesar do forte aumento do registro de casos, o número de mortes por dia permanece estável, com 8.100 óbitos no mundo inteiro nas últimas 24 horas, de acordo com os dados da OMS.

Os atuais aumentos acentuados de casos de infecções, muitas associadas à variante Ômicron, estão ocorrendo especialmente em partes do planeta como a Europa, que nas últimas 24 horas confirmou 1,2 milhão de diagnósticos, e as Américas (1,1 milhão).

Em outras áreas, como o Oriente Médio e o sul da Ásia, a curva ainda está abaixo das ondas anteriores, enquanto na África, a primeira região onde a variante Ômicron foi detectada, o gráfico parece sugerir que o pico de contágios já passou, embora os números ainda estejam bem acima dos das ondas passadas.

por Agência EFE