Compartilhar no WhatsApp

Esta sexta-feira, 1ª de abril, começou com chuvas em Aracaju e um novo alerta foi emitido pela Defesa Civil do município. A previsão é que sigam até as próximas 48 horas e moradores de áreas de risco devem estar atentos. Nas últimas seis horas foram registrados 82 milímetros de chuva em toda a cidade.

Trânsito está interditado na Avenida Airton Teles — Foto: Emurb/Aracaju

Até o momento, 11 ocorrências foram registradas pelo órgão, entre elas, um de deslizamento de terra, no Bairro Santos Dumont, e inundação em uma residência, no Bairro Industrial. Equipes estão atendendo nos locais.

Continua depois da publicidade

Um outro transtorno gerado pelas chuvas foram danos ao telhado da Unidade Básica de Saúde Francisco Fonseca. De acordo com a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) as atividades foram temporariamente suspensas, por causa do acúmulo de água na parte interna.

Ainda segundo o órgão, os serviços serão retomados após os reparos serem finalizados.

As chuvas provocaram, ainda, problemas em escolas municipais. Na Emef Deputado Jaime Araújo, no Bairro Soledade, as aulas foram suspensas quando o índice de chuva aumentou. Também sofreram danos as escolas Sabino Ribeiro, no bairro 18 do Forte, e Ágape, no Siqueira Campos, que já estavam sem aula nesta sexta por conta de outros serviços que estão sendo realizados. Não haverá aula no período da tarde nessas unidades.

Trânsito

O trânsito está interditado na Avenida Airton Teles, por conta do alagamento na via e de um veículo que tentou acessar o local e ficou enguiçado. Agentes de trânsito da estão no local para auxiliar os condutores.

A orientação é de que os condutores evitem as avenidas Pedro Valadares e Francisco Porto; a região da Praça da Imprensa; a Avenida Coelho e Campos com a Carlos Firpo, próximo ao restaurante Padre Pedro; e a Avenida Ministro Geraldo Barreto Sobral.

O trânsito também ficou lento em outras partes da capital, como a Avenida Augusto Franco.

Como acionar a Defesa Civil

A Defesa Civil por ser acionada através do telefone 199. Moradores de áreas de riscos devem redobrar a atenção e observar possíveis indícios, como a inclinação de árvores e postes, movimentação de terra, rachaduras em edificações e outras situações de anormalidade, diante da chuva.

O serviço de alerta por SMS possibilita que a população receba, de maneira antecipada, as informações sobre possibilidade de chuvas, maré, ventos fortes e outros fenômenos que demandem maior atenção e cuidados.

Para realizar o cadastro no serviço é preciso enviar uma mensagem via SMS para o número 40199 e colocar no campo da mensagem o CEP do local sobre o qual deseja receber informações. O serviço é gratuito e permite que uma mesma pessoa cadastre mais de um CEP.

Por G1 Se